A INSERÇÃO E A DISCRIMINAÇÃO DA MULHER NO MERCADO DE TRABALHO

Franicne Andréia Miara, Mariana Pivovar, Izabele Caroline Rodrigues Gomes

Resumo


Esta pesquisa, embasada em Serpa (2007) tem como objetivo falar sobre a inserção e a discriminação da mulher no mercado de trabalho Como metodologia de pesquisa utilizou-se a abordagem qualitativa. Obteve-se como principal conclusão que antigamente, lugar de mulher era dentro de casa, cuidando dos filhos, mas esses tempos finalmente acabaram. As mulheres têm conquistado cada vez mais lugar na sociedade e por conseqüência no mercado de trabalho. O Artº 1º da Declaração Universal dos Direitos Humanos foi redigido em 1948, tornando claro que os Direitos Humanos pertencem a todos os seres humanos, mulheres ou homens.


Texto completo:

PDF

Referências


SERPA, Nara Cavalcante. A inserção e a discriminação da mulher no mercado de trabalho: Questão de gênero. Anais do Seminário Fazendo Gênero-Diáspora, Diversidades, Deslocamentos. Florianópolis: UFSC, v. 23.

PROBST, Elisiana Renata; RAMOS, Paulo. A evolução da mulher no mercado de trabalho. Santa Catarina: Instituto Catarinense de Pós-Graduação, p. 1-8, 2003.

PRIORE, Mary Del e BASSANEZI, Carla. História das mulheres no Brasil. 2. ed.São Paulo : Contexto, 1997.

Pesquisa Direitos da Mulher. Disponível em: http://www.ufrgs.br/nucleomulher/direitos.php . Acesso em: 14/09/2017


Apontamentos

  • Não há apontamentos.